A diferença


por Luiz Henrique Matos

Os deuses do mundo são os que esperam sacrifícios de seus seguidores.

O Deus eterno sacrificou a Si mesmo em nosso favor, para mostrar que antes de nossa devoção, Ele nos amou.

O incrédulo sente-se em um barco à deriva, sem rumo, destino ou futuro.

O crente navega pela tempestade seguro de que o Senhor controla os ventos a seu favor e caminha sobre as águas em sua direção lhe convidando à vitória no sobrenatural.

O coração do homem é corrupto e condena ao mínimo erro de seu próximo.

O coração de Deus é puro e perdoa Sua criação ao mínimo sinal de arrependimento, buscando a ovelha perdida ainda que essa caminhe distante de todo o rebanho.

O caminho do pecado é largo, belo e oferece prazeres, mas conduz seus peregrinos à morte.

O caminho de Deus é estreito, cheio de espinhos e provações, mas a luz que ilumina o fim da trilha é a glória da vida eterna.

A morte espiritual no pecado é o sinal do inferno, a voz diabólica da acusação, opressão e provocação maligna.

A vida em Cristo Jesus é o milagre da cruz, a esperança pela fé na promessa, no porvir e na voz da Soberania Divina que exclama dos céus: Esse é meu Filho amado em quem me comprazo!

Comente aqui

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s