Sobre dons, habilidades e propósitos de vida (ou não)


por Luiz Henrique Matos

Há algumas semanas eu pensava nessas coisas de sempre. Coisa minha, de crise existencialista sobre propósito de vida, chamados para mudar o mundo, os sonhos semeados por Deus em meu coração… isso tudo que no fim das contas é algo mais voltado para mim mesmo do que para Deus.

E aí eu pensava que sou mesmo um tremendo egoísta.

Foi nesse instante que um pensamento me surpreendeu como uma rasteira. A doce voz do Espírito – sempre doce, sempre dando uma bronca sutil, sempre me fazendo cair arrependido – me dizia que não importa quais sejam meus dons, habilidades ou propósitos de vida, uma coisa não muda nunca: precisamos seguir a ordem e o exemplo de Jesus de orar pelos enfermos, ajudar os pobres e ensinar as boas novas do Reino a toda criatura, todos os dias.

A pensar… é o que Ele ainda faria se estivesse por aqui nesse tempo.

Comente aqui

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s