Não podemos sair de dentro de nós mesmos


Hemingway, em “O sol também se levanta”:

– Escute, Jake – e curvou-se sobre o balcão – nunca tem a impressão de que sua vida vai passando sem você aproveitá-la? Não percebe que já viveu a metado do tempo que tem para viver?
– Sim, isso me acontece de vez em quando.
– Sabe que dentro de trinta e cinco anos já estará morto?
– Que diabo! Francamente, Robert!
– Estou falando sério.
– Isso é coisa que não me preocupa.
– Devia preocupar-se.
– Tenho tido sempre preocupações. Já estou farto delas – respondi.
– Bem, eu queria ir à América do Sul.
– Escute, Robert, tanto faz um país como outro. Tenho experiência disso. Não podemos sair de dentro de nós mesmos. Não adianta.

Um comentário sobre “Não podemos sair de dentro de nós mesmos

Comente aqui

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s